quarta-feira, 20 de março de 2013

Não tem gosto


“A dor explode no peito
A angústia é tanta que não tem mais jeito
O sal molhado escorre pelo rosto
Salgando a vida que não tem mais gosto
O sol queima e o fogo vinga
Nada sou agora, só um punhado de cinzas”